An orange circle and a purple circle represent connectivity.

Hits da Motown de Aretha Franklin, James Brown e Stevie Wonder, tributos a Huey Lewis e alguns músicos de funky jazz…

Mats Ekelund faz tudo isso! Ele toca saxofone desde que tinha oito anos de idade. E agora vocês vão ouvi-lo tocando todas as notas mais agudas no palco com bandas locais. É onde ele se sente satisfeito – uma incrível fonte de renda extra quando ele não está apresentando software para o setor de transporte público.

Residente em Jönköping, na Suécia, Mats é Líder de grupos da Modaxo na Europa, cargo em que supervisiona um número cada vez maior de empresas da Modaxo, incluindo a Imperial, Binary, Systemtechnik, Elgeba, Signature Rail e Taranto, todas com a sua própria marca de soluções para o transporte de passageiros confiável e eficiente.

“Eu nunca fico entediado. Estou aprendendo muito, todos os dias” – conta Mats sobre a consultoria que presta aos CEOs das unidades de negócios líderes de mercado, ajudando-os com estratégia de produção, marketing e liderança em uma área muito competitiva.

“Eu tenho uma equipe muito forte. Se tivermos uma empresa de aviação ou outro tipo de transporte, eu posso integrá-la facilmente. É uma boa função, porque eu posso me apresentar conforme o necessário para dar meu apoio às nossas empresas”.

A Europa tem um modelo de transporte público bem estabelecido, em que o transporte público é responsável por 10% a 20% de todas as viagens. Na América do Norte, as estatísticas com esse mesmo volume de passageiros caem para 2%. Muitos europeus vão com seus carros de casa para uma estação de periferia na cidade, onde estacionam e passam para um modal de transporte público até o centro, reduzindo os congestionamentos e as emissões de poluentes.

“Estamos fazendo muito bem para as pessoas” – disse Mats. “Tudo conta, desde assegurar que as pessoas possam ir do ponto A ao B em um meio de transporte um seguro e sem se atrasar, para salvar o planeta ajudando as pessoas a tomar decisões ambientalmente conscientes quando se deslocam. Podemos utiliza nosso software para administrar essa questão. E isso é muito legal também”.

O talento musical e a capacidade de improvisar de Mats têm servido bem à sua vida profissional. No começo, ele teve de escolher entre ser músico profissional ou engenheiro, e se matriculou em alguns cursos de ciência da computação. Depois de concluir o serviço militar compulsório da Suécia, ele decidiu

prosseguir como músico semiprofissional e suplementar sua renda trabalhando com vendas na área de TI.

“Eu fui para uma empresa que vendia tudo, desde clipes de papel a computadores, e estava no departamento de computadores” – disse ele. “Eu tinha 22 anos de idade quando comecei a aprender trabalhando”.

No final das contas, Mats progrediu vendendo MACs e PCs, fazendo tudo, desde instalações de hardware e software a entregas de produtos para seus clientes. Ele precisava ser especializado em todas as áreas e estava aprendendo na prática e rapidamente.

Trata-se de uma pessoa que realmente enfrenta bem um desafio. Ele também gosta de correr e jogar tênis Padel em dupla com sua esposa.Depois de alguns anos absorvendo o máximo que podia de conhecimentos, Mats embarcou no mundo dos empreendedores, abrindo sua própria empresa, junto com quatro colegas, todos jovens de 24 anos.

A nova empresa não apenas vendia computadores, mas também redes e sistemas de planejamento de recursos empresariais (Enterprise Resource Planning –ERP). E ele continuou atuando na área de ERP até 2010, quando passou a vender software nos mercados verticais.

“Eu trabalhei com sistemas ERP, CRM e sistemas críticos para empresas no mercado horizontal da Suécia, Depois fiquei por dois anos nos EUA e voltei para a Suécia. Eu era o responsável pelas operações quando tinha 30 anos e pensava que sabia tudo” – diz Mats rindo. Ele também teve experiência com investidores de risco em primeira mão e de curto prazo, depois que vendeu sua empresa para um deles.

“Eu também pensava que era o melhor vendedor de todos até me mudar para os EUA, em Orlando, e conhecer uma metodologia de vendas inteiramente diferente”.

Em 2015, Mats foi contratado como CEO dos desenvolvedores de software de comunicações pela Netadmin Systems, uma afiliada da Modaxo sob o comando da Constellation Software. Ele foi contratado graças à estrutura e à estabilidade financeira da empresa, combinada à sua cultura de empreendedorismo, onde ele poderia ser um participante ativo.

odaxo e seu foco no transporte de passageiros, Mats está aplicando seus anos de experiência em estratégias de vendas e marketing – e seu ótimo senso de cadência e harmonia musical – para ajudar a fortalecer as operações do grupo na Europa.

“Eu enxerguei a oportunidade de a Modaxo se tornar algo por conta própria. É um novo começo com uma forte estrutura”.


Continuar explorando